venerdì 10 aprile 2015

The end is coming: a single mother agrees with the Real, the Brazilian community of antifeminism and male personal improvement

Bom Dia!

Vi o post de vocês que falava sobre Mãe Solteira e MSOL, algo assim. Não quis publicar para não causar brigas... eu sempre visito a página e gosto do que fala aqui, cheguei a falar da página e do Doutrinador para meu irmão poder acompanhar.

Bom, é o seguinte: a real é que quando se tem filhos, se relacionar com outro homem é difícil, o relacionamento às vezes fica conturbado devido a brigas, ciúmes por parte dos filhos, o ex marido sempre ali (ele é o pai, fazer o quê?), às vezes os filhos não respeitam o cara, às vezes o cara não gosta dos seus filhos, a gente tem medo de alguém bater, estuprar ou sei lá... como confiar em alguém? Vish! É bem complicado, por isso respeito a opinião de quem prefere não se relacionar com mãe solteira. A realidade é bem diferente da que pintam por aí, como se fosse um conto de fadas onde todo mundo se dá bem... no mundo real dos relacionamentos é diferente.

Eu sou mãe solteira e entendo [o] ponto de vista de vocês, gosto da página e não fico ofendida com as postagens!

(Metendo a Real, https://www.facebook.com/blogmetendoareal/photos/a.414732875316910.1073741828.414711658652365/650248815098647/?type=1)

Good Morning!

I saw the post of you that spoke on Single Mothers and MSOL [Mãe SOLteira, single mother], something like this. I did not want to publish for not to cause fights... I always visit the page and like what is said here, I even talked about this page and about Doutrinador so my brother could follow.

Well, is this: the real is that when a woman has children, having a relationship to another man is difficult, the relationship is sometimes troubled because of fights, jealousy from the children, the former husband always there (he is the father, what can be done?), sometimes the children do not respect the guy, sometimes the guy does not like your children, we are afraid of someone beating, raping or something... how to trust someone? Virgin Mary! It is quite complicated, so I respect the opinion of those who prefer not having a relationship with a single mother. The reality is quite different of what is depicted all around, as it was a fairy tale where everyone gets along... in the real world of relationships is different.

I am a single mother and I understand the point of view of you, I like the page and I'm not offended by your posts!

(Metendo a Real, https://www.facebook.com/blogmetendoareal/photos/a.414732875316910.1073741828.414711658652365/650248815098647/?type=1)

Buongiorno!

Ho visto il posto di voi che ha parlato sulle madri nubili e MSOL [Mãe SOLteira, madre nubile], qualcosa di simile. Non volevo pubblicare per non provocare risse... ho sempre visitato la pagina e me piace ciò che viene detto qui, ho anche parlato di questa pagina e su Doutrinador così mio fratello possa seguire.

Beh, è ​​questo: il reale è che quando una donna ha figli, avere una relazione con un altro uomo è difficile, il rapporto è a volte travagliato a causa di lotte, gelosie dai bambini, l'ex marito sempre lì (lui è il padre, cosa può essere fatto?), a volte i bambini non rispettano il ragazzo, a volte il ragazzo non ama i tuoi figli, abbiamo paura di qualcuno battere, stuprare o qualcosa... come fidarsi di qualcuno? Vergine Maria! È piuttosto complicato, quindi io rispetto l'opinione di coloro che preferiscono non avere un rapporto con una madre nubile. La realtà è ben diversa di ciò che è raffigurato in tutto, come era una favola in cui tutti vanno d'accordo... nel mondo reale delle relazioni è diverso.

Io sono una madre nubile e capisco il punto di vista di voi, mi piace la pagina e non sono offesa dai vostri post!

(Metendo a Real, https://www.facebook.com/blogmetendoareal/photos/a.414732875316910.1073741828.414711658652365/650248815098647/?type=1)

¡Buenas Mañanas!

Vi el postaje de que hablaba sobre las madres solteras y MSOL [Mãe SOLteira, madre soltera], algo como esto. Yo no quería publicar para no causar peleas... yo siempre visito la página y me gusta lo que se dice aquí, yo incluso hablé de esta página y sobre Doutrinador para mi hermano poder seguir.

Bueno, es la siguiente: lo real es que cuando una mujer tiene hijos, tener una relación con otro hombre es difícil, la relación es a veces problemática debido a las peleas, celos de los hijos, el ex marido siempre allí (él es el padre, ¿qué se puede hacer?), a veces los niños no respetan el chico, a veces el chico no le gusta a sus hijos, tenemos miedo de alguien golpear, violar o algo así... ¿cómo confiar en alguien? ¡Virgen María! Es bastante complicado, así que yo respeto la opinión de los que prefieren no tener una relación con una madre soltera. La realidad es muy diferente de lo que se muestra por todas partes, como se fuera un cuento de hadas donde todo el mundo se lleva bien... en el mundo real de las relaciones es diferente.

Soy una madre soltera y entiendo el punto de vista de ustedes, ¡me gusta la página y no estoy ofendida por sus postajes!

(Metendo a Real, https://www.facebook.com/blogmetendoareal/photos/a.414732875316910.1073741828.414711658652365/650248815098647/?type=1)

Nessun commento:

Posta un commento

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...